Acontece hoje, 03/10, a inauguração do escritório da operadora e uma das gigantes da telecomunicações chinesas, China Unicom. A companhia está chegando ao Brasil para administrar negócios com relação ao seu novo cabo submarino, o SAIL – South Atlantic Inter Link, que irá interligar o Brasil até Camarões na África.

O cabo tem previsão para ser concluído no segundo semestre do ano que vem, 2018. A Huawei Marine está responsável pela construção da infraestrutura que terá 6 mil Km de extensão e capacidade de pelo menos 32 Tbps, o projeto tem como fornecedor a Nexans.

A ligação entre Brasil e África terá interconexão com 11 cabos terrestres que a companhia possui e que atravessam todo o Oriente Médio, de lá o Cabo Sail cruzará o oceano e chegará ao Brasil em uma landing station que fica em Fortaleza no Ceará.

Imagem: telesíntese

Imagem: telesíntese

 

A China Unicom que é a terceira maior operadora da China, possui participação ou propriedade integral de 26 cabos de longa distância por todo o mundo, sendo que 15 destes são cabos submarinos. No momento a operadora aguarda a obtenção de licenças para poder construir a estrutura.

IOT NO BRASIL

Ainda ontem, 02/10, alguns executivos da China Unicom estiveram presentes no Fórum Brasil-China, onde comentaram durante o evento sobre o objetivo de estreitar as relações comerciais com o Brasil no setor de telecomunicações. Para a empresa, há grande oportunidade em contribuir para o desenvolvimento da IoT – Internet das Coisas no país, e também mencionaram que já possuem parceria com a CPqD.

A empresa tem pretensões em participar no desenvolvimento do carro conectado. Na China, a China Unicom tem intensão de liderar os avanços dessa tecnologia, a implementação por lá deve acontecer até 2020. Em toda a China existem 200 milhões de carros. No mundo, a China Unicom tem 260 milhões de assinantes móveis e mais de 140 milhões de fixos.­

 

BRASIL E NOVAS ROTAS

Para 2018 o Brasil deve contar com pelo menos duas novas rotas de ligações até a África através de cabos submarinos. Além do Sail da China Unicom, também estão sendo construí­do o SACS – South Atlantic Cable System, da operadora de atacado Angola Cabes, que deve ser concluído até o final do próximo ano.

Outro projeto anunciado esta semana foi a expansão do Sistema do Seabras 1. O cabo que liga São Paulo à  Nova Iorque deverá ganhar nova ramificação com a Europa, a partir de seu ponto em solo americano. A conexão irá dos Estados Unidos até a Inglaterra passando pela Irlanda. Além desta a empresa também planeja para um futuro próximo, uma outra ramificação do Seabras 1 até a Argentina.

Além dos cabos recentemente lançados no Brasil, como o Cabo Tannat e o Seabras 1, existem mais projetos em desenvolvimento incluindo esses cabos citados, outra grande iniciativa é o Cabo Monet que deverá ligar o Brasil aos Estados Unidos através de uma parceria entre a Algar Telecom, Angola Cables e o Google, o Monet tem data de inauguração prevista até o final de 2017.

 

FONTES: Telesintese, Teletela


 

OUTRAS NOTÍCIAS RELACIONADAS À CABOS

Cabo Submarino Seabras-1 que liga Brasil aos Estados Unidos será lançado em Setembro

GRANDE DIA PARA AS TELECOMUNICAÇÕES – COMEÇA A SER IMPLANTADO SISTEMA DE CABOS QUE LIGA URUGUAI, BRASIL E ESTADOS UNIDOS

Brasil registra queda na velocidade de internet devido à passagem de Furacão Maria

 

onclick="ga('send', 'event', 'botao', 'clique', 'whatsapp'); onclick="ga('send', 'event', 'botao', 'clique', 'formulario');